Impasse entre EMTU e Guarulhos impede operação em corredor

Foto: Edson Lopes Jr – A2 FOTOGRAFIA

Sessenta mil usuários por dia poderiam usar um novo trecho do corredor Metropolitano Guarulhos, se um impasse não estivesse impedindo os ônibus de circular pelo local. Um desentendimento entre a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) e a prefeitura de Guarulhos impede que os coletivos trafeguem pelo corredor que custou R$ 100 milhões.

Conforme anunciamos aqui, a EMTU entregou a obra, mas a prefeitura de Guarulhos diz que faltam trabalhos a serem realizados, como iluminação e sinalização semafórica.

O trecho possui 12,3 km e liga os terminais Cecap e Vila Galvão, e faz parte de um complexo de corredores que terá 20 km e ligará Guarulhos à capital, com acessos ao Metrô a à CPTM.

O terceiro trecho da obra – que ligará Guarulhos e São Paulo deve ser iniciada em 2016. “Nós vamos este ano terminar o projeto executivo e licenciamento ambiental. Esperamos iniciar a obra no ano que vem”, disse o governador Geraldo Alckmin.

Fonte: Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários: